domingo, 11 de setembro de 2011

Se o amanhã chegar...

E amanhã vou voltar ao trabalho! Pois é, acabaram-se as férias...uma semana mais cedo que o previsto mas os imprevistos acontecem e, invariavelmente, acontecem-me a mim!...

Está-me a dar a depressão, a sério! Enquanto estudava nunca dei verdadeiro valor às férias...eram três meses que lá se passavam e pronto! Agora...cada feriado, cada sábado que não tenho de ir trabalhar é uma alegria imensa! Eu sei que há pessoas que têm horários muito piores que o meu e, obviamente, tenho noção que há imensas pessoas desempregadas que adoravam estar a trabalhar na área em que se licenciaram ou mesmo arranjar um qualquer emprego noutra área, mas a verdade é esta: se eu soubesse o que sei hoje...provavelmente tinha ido tirar outro curso a seguir ao primeiro!.. (ahahahah)

Queria não chegar a casa a pensar no dia na farmácia, no medicamento que aconselhei, se era ou não, o melhor para a pessoa, o mais indicado para aquela situação, no monte acumulado de receitas para conferir, de encomendas para recepcionar, medicamentos para arrumar, dos prazos de validade para controlar...

Queria não pensar no que não fiz, no que não disse e poderia ter dito aos utentes que já partiram, aos familiares...Não pensar que para muitos é o fim próximo, a chegar devagarinho e eu a negá-lo (a eles e a mim mesma), com palavras de encorajamento.

Queria não ter que ter sempre um sorriso, SEMPRE, mesmo que esteja a chorar por dentro, porque quem vai a um estabelecimento não tem culpa dos nossos problemas...e, obviamente, merece ser atendido com toda a nossa deferência e simpatia!

Queria não estar farta de medir a tensão arterial, às mesmas pessoas, 6 vezes por semana, não ter de aturar utentes mal-educados e pior, lidar com os que têm a mania que sabem de medicamentos, não sendo médicos ou trabalhando na área da saúde...

Queria não chegar a casa as 20 horas, depois de um dia inteiro em pé, sem vontade de sair para beber um café, nem tão pouco de telefonar aos meus amigos...

E sabem o que é me vai fazer esquecer tudo o que eu queria?? Quando chegar lá amanhã e os utentes chegarem ao pé de mim e dizerem que estavam já com medo que eu me tivesse ido embora porque estive três semanas fora, pedirem para falar comigo para lhes aconselhar um medicamento para isto ou aquilo...etc

Porque no fundo, ser farmacêutico é isto: ajudar os outros! Muitas vezes, nem é preciso nenhum medicamento, basta a nossa atenção e preocupação, que eles sentem-se logo melhores!

P.S eu só queria conseguir desligar...mas quando se tem a saúde dos outros nas mãos não se consegue, simplesmente!

12 comentários:

Alix disse...

pois, nem sei o que te diga...quem me dera a mim estar a trabalhar. tens muita sorte :)

Duda disse...

Em primeiro lugar, sê bem-vinda :)
Depois, eu também sou assim como tu, não consigo desligar-me do trabalho. No fim-de-semana, já estou a pensar no que tenho para fazer na Segunda-feira. Quem me dera não ser assim, mas pronto.
Junta-te aqui ao clube. Beijinhos querida

Malas e Sapatitos disse...

Quando estiveres a ficar deprimida, pensa nos motivos pelos quais escolheste essa profissão e nas situações boas :)

farmaspouco disse...

Alix: Desejo-te a maior sorte nesta fase menos boa...vais ver que consegues ultrapassar tudo!

farmaspouco disse...

Duda: é tão bom sentir-mo-nos compreendidas! Obrigada pelo apoio! :) beijinhos

farmaspouco disse...

Malas e Sapatitos: vou seguir o teu conselho, sem dúvida! Beijinhos!

S* disse...

São missões que só tu podes executar. :)

O gajo disse...

Trabalhar faz bem...

nok@s disse...

Deixa lá, temos momentos chatos e momentos gratificantes, como aquele em que ambas ouvimos "tomara que todos os farmacêuticos fossem como vocês. Muito obrigada". Lembras? Rejubilámos =D A verdade é esta e sei que te orgulhas tt do que somos e do que fazemos cmo eu! :P
Já é tarde para te ligar mas amanhã ligo a saber se sobreviveste :P

farmaspouco disse...

Obrigada S*! ;) Beijinhos

farmaspouco disse...

Gajo: claro que faz bem e é uma sorte termos emprego!

farmaspouco disse...

Nok@s: sobrevivi....e tenho novidades!